Bando armado assalta vereador e faz família refém

Bastante abatido, Adélcio deu entrevista; "Eles tinham perfil de assaltantes de banco"

Cinco homens fortemente armados assaltaram o vereador Adélcio de Jesus (PSB) na noite de quinta-feira (11). O bando invadiu a residência do político, no bairro Cáfaro, rendendo ele e a esposa. Após o ato, o casal foi trancado em um dos banheiros da propriedade. A quadrilha também assaltou chácara vizinha a de Adélcio.

Em entrevista à Folha de Piedade, o vereador disse que o crime aconteceu por volta das 23h30. Os assaltantes estariam sem capuz e todos portavam pistolas. “Um deles estava com uma arma longa, parecia ser uma calibre.12”, afirmou. Na avaliação dele, o perfil dos criminosos era semelhante ao de quadrilhas que roubam bancos.

Apesar do armamento pesado, o político conta que os bandidos foram bastante frios e, até mesmo, educados. “Eles repetiam o tempo todo que só queriam dinheiro e coisas de valor, que não iriam nos machucar”, comentou Adélcio. “Um deles deu água para minha esposa, que estava nervosa, e se propôs a esconder a arma para não traumatiza-la”, completou.

Após trancar o casal em um banheiro, o grupo criminoso deixou o local levando pertences pessoais, dinheiro e o automóvel da família. Em seguida, eles invadiram uma propriedade vizinha, de onde também levaram carro e aparelhos eletrônicos.

 

“Um deles estava com uma arma longa, parecia ser uma calibre.12”,Adélcio de Jesus

 

Soltos – Adélcio e a esposa foram libertados por um morador de sítio contíguo ao seu. A Polícia Militar Rodoviária foi acionada e esteve no local. Na manhã desta sexta-feira (12), o vereador foi à delegacia fazer boletim de ocorrência. 

Comentar