Bebeu, bateu o carro e tentou fugir

Após causar um acidente e fugir do local, um taxista de 66 anos acabou detido pela Polícia Militar. Indiciado por embriaguez ao volante, ele só não ficou em cana por ter pagado fiança no valor de R$ 1 mil. O caso aconteceu na região central, no último sábado.

Segundo o boletim de ocorrência, um empresário estava em seu estabelecimento quando ouviu o som de uma batida. Ao averiguar, constatou que um motorista havia acertado o seu veículo e se preparava para deixar o local.

O comerciante, então, pegou o carro e foi atrás do “fujão”, conseguindo aborda-lo nas imediações da Rua José Batista. A Polícia Militar foi acionada e compareceu ao endereço dos fatos.

De acordo com o relatório, o motorista causador do acidente demonstrava sinais de embriaguez. O teste do bafômetro teria constatado que, de fato, o veterano taxista tomara “umas a mais”.

Na delegacia, estipulou-se fiança no valor de R$ 1 mil, a qual foi paga e garantiu ao acusado o direito de responder em liberdade.

Comentar