Escolas de todas as redes terão feriado prolongado

Repetindo o que aconteceu no feriado da Independência (7 de setembro), a Prefeitura de Piedade está deixando para a última hora a definição sobre o funcionamento dos serviços públicos municipais na próxima sexta-feira (13), após o feriado nacional em homenagem à Padroeira do Brasil, Nosssa Senhora Aparecida. De acordo com a Assessoria de Imprensa do Paço, uma deliberação a respeito do ponto facultativo deverá acontecer nas próximas horas. 
 
Por enquanto, a única certeza é com relação à suspensão dos serviços municipais não essenciais no feriado. Assim, o Paço e a Câmara de Vereadores fecham na quinta-feira (12), mas os seguintes setores funcionarão normalmente: Terminal Rodoviário, limpeza pública, abastecimento de água potável, Parque Ecológico Collemar de Miranda Botto, Guarda Municipal, Samu, ambulâncias e cemitérios municipais. As escolas da rede municipal, por sua vez, terão suas atividades suspensas nos próximos quatro dias, reabrindo apenas na segunda-feira (16).
 
Na eventualidade de o chefe do Executivo optar pelo ponto facultativo, na sexta-feira a população contará com os serviços disponíveis no feriado, mais o Mercado Municipal, a fiscalização de trânsito e a Zona Azul.
 
Em 2017 a Prefeitura já suspendeu o atendimento em três feriados prolongados: Carnaval, em fevereiro; Corpus Christi, em junho; e Dia de Nossa Senhora da Piedade, em agosto. Até o final do ano ainda pode ocorrer outro ponto facultativo, no dia posterior ao Dia de Finados (2 de novembro). 
 
Estado e bancos
 
O governador Geraldo Alckmin (PSDB), por sua vez, já decidiu pela suspensão das atividades nas escolas estaduais também no dia 13 de outubro. O mesmo planejamento será adotado pelas unidades de ensino particulares da cidade. 
 
Agências bancárias e os demais setores de atividades, incluindo comércio e prestadores de serviços trabalharão normalmente na sexta-feira após o Dia da Padroeira. As unidades de atendimento do Detran e do Poupatempo também abrirão no dia seguinte ao feriado.

Comentar