Fumou crack e quis matar esposa

Um homem de 33 anos foi preso, na última terça-feira (13), após agredir e tentar matar sua esposa. O caso aconteceu no bairro Cotianos. O diarista admitiu que cometeu o crime após “beber quatro cervejas e fumar uma pedra de crack”. Ele foi preso em flagrante e encaminhado ao CDP de Sorocaba.

De acordo com a vítima, uma dona de casa de 35 anos, o acusado começou a beber por volta das 18h. Muito alterado, ele atacou a esposa, agredindo-a e jogando-a ao chão. O homem teria tentado, inclusive, estrangular a companheira. Segundo o boletim de ocorrência, naquele momento, o indiciado teria conseguido dissuadir a amásia de representar contra ele. Consta que o indivíduo se mostrou arrependido e prometeu não incorrer novamente em tal conduta.

No entanto, tudo não passou de palavreado vazio, pouco depois o diarista retomou a sessão de violência. Ele teria acertado a esposa com diversos socos e, num determinado momento, apanhou uma faca para tentar golpeá-la.

Assustada, a vítima gritou por socorro. Vizinhos ajudaram a dona de casa e tiveram de entrar em luta corporal com o indiciado, para conseguir contê-lo até a chegada da Polícia Militar. Detido pelas autoridades, o rapaz confessou as agressões e tentou justificar que agira motivado pelo uso de álcool e drogas.

Levado à delegacia, ele foi indiciado por lesão corporal com base na Lei Maria da Penha. Sem direito a fiança, acabou removido ao CDP de Sorocaba.

Comentar