Gasolina e diesel caem R$0,10 em quase todos os postos

Apesar da queda, combustível piedadense é considerado caro diante do comparativo regional

Demorou pouco mais de uma semana, porém, aconteceu. Os postos piedadenses finalmente reduziram o preço da gasolina e do diesel em suas bombas, em consonância com reajuste, nas refinarias, anunciado pela Petrobras em 14 de junho. Desde 23 de junho, as placas dos estabelecimentos mostram os valores a menor.

A medida acontece em meio uma série de protestos de munícipes, principalmente nas redes sociais, e à ameaça iminente de uma intervenção por parte do prefeito José Tadeu de Resende (PSDB).
 

Tudo igual – No dias 28 de junho, a reportagem da Folha de Piedade apurou um fato intrigante: em sete, dos oitos postos instalados no município, a redução no preço da gasolina foi exatamente a mesma, na ordem de R$ 0,10. Situação semelhante ocorre quando o assunto é o valor do diesel comum. Cinco postos apresentam a mesma queda de redondos R$0,10, enquanto dois mantêm os preços antigos e um deles não comercializa o produto. No que diz respeito ao diesel S-10, a redução idêntica – os famigerados R$ 0,10 - figura em sete dos oito estabelecimentos.

Além disso, três postos de combustíveis vêm mantendo preços exatamente iguais, tanto na gasolina quando no etanol, há algum tempo. O jornal acompanhou que, nas duas reduções ocorridas desde abril, o trio de empresários manteve os valores idênticos em seus estabelecimentos.  

Apesar da queda, o combustível piedadense é considerado caro, diante do comparativo regional. Enquanto, na cidade de Sorocaba, o etanol chegou a ser vendido a menos de R$2,00 o litro, por aqui o combustível ainda é comercializado pela quantia média de R$ 2,362 – 18% acima do que é visto na sede da região metropolitana.
 

Comentar