Ladrões furtam tudo no Carnaval

A bandidagem fez a festa durante o primeiro final de semana no Carnaval. Vários furtos foram registrados pela Polícia Militar, entre a sexta-feira (9) e o domingo (11). Um adolescente chegou a ser detido em flagrante, em meio aos festejos na Praça da Matriz.

O primeiro caso ocorreu na madrugada de sexta, na Rua Marechal Deodoro da Fonseca, sendo comunicado por volta da 1h. O sistema de segurança de um estabelecimento comercial flagrou o momento em que um criminoso entrou no imóvel, pelo telhado, deixando um buraco no forro. Foi levada uma quantia em dinheiro utilizada como troco e que ficava guardada em potes embaixo do balcão. O proprietário acionou a PM para registrar a queixa, porém, não soube precisar a quantia levada.

 

Pecado – No sábado (10), foi a vez de uma igreja evangélica ser furtada. O pastor responsável pela pregação no local recebeu, de vizinhos, a informação de que o templo fora invadido. Segundo o boletim de ocorrência, o autor do delito teve acesso ao local mediante arrombamento de uma das portas. O líder evangélico deu pela falta de uma caixa de som utilizada nos cultos.

 

Flagrante – Também no sábado, um adolescente teria furtado uma loja na Rua Comendador Parada. A vendedora diz que o menor entrou no estabelecimento e pediu para que lhe mostrasse um boné. No momento em que a funcionária exibiu a peça, o garoto a tomou de sua mão e correu sentido Praça Coronel João Rosa. O rapaz foi identificado como um conhecido criminoso, autor de diversos crimes e que, recentemente, passou uma temporada na Fundação Casa devido a suposto envolvimento com o tráfico.

No dia seguinte, domingo (11), por volta das 21h25, a PM fazia policiamento na praça da Matriz quando avistou o adolescente. Tranquilamente, ele curtia o carnaval e usava o boné furtado no dia anterior. Após fazer a abordagem do menor, os policiais acionaram a vendedora e a proprietária da loja, que reconheceram tanto o rapaz quanto a peça.

O menino foi levado à delegacia e, em seguida, liberado à responsabilidade de sua mãe.

Comentar