Moreiras Moreirão é campeão da Série Prata

Melquis avança em velocidade e fica cara a cara com Gabriel

Com a vantagem do empate, o Moreiras Moreirão fez 2 a 2 com King Shark e conquistou o primeiro título do Campeonato Varzeano. O torcedor compareceu em peso no Estádio Municipal Lino de Mattos, na tarde do último domingo (23), para ver o Moreiras garantir a taça da Série Prata e a vaga da Primeira Divisão do torneio no ano que vem. Laerte foi o herói do jogo. Ele saiu do banco e fez o gol que garantiu a primeira conquista relevante do Moreiras Moreirão em apenas dois anos de fundação.

 

O JOGO – Mesmo com a vantagem do empate, o Moreiras Moreirão quis mostrar quem mandava no confronto, e com menos de nove minutos de jogo, abriu o placar. Melquis é lançado, domina e avança em velocidade pelo meio. Na saída do goleiro, ele toca no canto.

Depois de sofrer o gol, o King Shark não teve outra alternativa: se lançar ao ataque. E o empate veio aos 23 minutos, numa cobrança de escanteio. A bola foi alçada na área e Julão subiu sozinho e de cabeça mandou a bola para dentro da meta defendida por Pablo. E o time continuou a pressionar. E a virada veio com Alicate, aos 39 minutos. Depois do cruzamento, o atacante, sem marcação, chutou de primeira. Alicate chegou ao 15º e se tornou o artilheiro da Série Prata.

As emoções ficaram guardadas para o segundo tempo. Com o apoio incessante da torcida, o Moreiras Moreirão começou pressionando. Logo aos 3 minutos, Deda perdeu uma ótima oportunidade. Ele ficou cara a cara com Gabriel, mas chutou para fora. Três minutos depois, Silas teve a chance de mudar a história da decisão. Ele driblou três defensores e finalizou fraco. Pablo defendeu. Em seguida, foi a vez de Djhon desperdiçar outra chance.

Com a vitória nas mãos até a metade da segunda etapa, o King Shark recuou e passou a se defender como podia, torcendo para que a partida terminasse logo. Porém, o King não contava com a estrela do técnico Índio, que havia sacado Melquis e colocado Laerte em seu lugar. E foi Laerte que decidiu a partida aos 35 minutos. Numa cobrança de falta, a bola é alçada na área do King. A defesa não afasta e Laerte fica livre para fazer o gol. A torcida ficou eufórica com o empate. Do outro lado, via-se um King Shark abatido e sem forças para reagir. Nos minutos finais, quase Laerte vira o placar. Após o apito final de Marquinho, a festa do Moreiras Moreirão começou no estádio e se estendeu para o bairro dos Moreiras.

 

FICHA TÉCNICA

MOREIRAS MOREIRÃO: Pablo; Alequinho (Maycon), Isidoro, Juninho e Batista; Fabrício (Leandro), Lucão (Isac), Tiaguinho e Corintiano; Deda (Alexsandro) e Melquis (Laerte). Técnico: Indio.

KING SHARK: Gabriel; Guga, André, Furtado e Elvis; Bandido, Gui, Djhon e Silas; Alicate e Julão (Juninho). Técnico: Flávio.

GOLS: Melquis, Julão, Alicate e Laerte.

ÁRBITRO: Marcos Torres, o ‘Marquinho’. AUXILIARES: Gavião e Maurício Lemes.

 

PREMIAÇÃO

Após o apito final, a diretoria Municipal de Esportes premiou com medalhas e troféus os jogadores e as comissões técnicas do Moreiras Moreirão e King Shark, além da defesa menos vazada e do artilheiro da Série Prata.

Comentar