Pegou a moto emprestada do amigo e a trocou por uma TV e cocaína

Um construtor, de 22 anos, abusou, literalmente, da bondade de seu amigo, um vendedor, de 50 anos, e acabou sendo detido pela Polícia Militar na tarde do último dia 21. Os dois vieram numa chácara no bairro Juruparazinho e depois de muita conversa, o construtor pediu a motocicleta emprestada ao vendedor, pois queria dar uns rolês pelo bairro. O vendedor não hesitou ao pedido, afinal de contas, os dois se conheciam de longa data. Passou o capacete e a chave da moto ao amigo e ainda garantiu que o tanque estaria cheio de combustível. Encantado com o momento, o construtor subiu no possante e saiu em alta velocidade da propriedade. E as horas foram passado e nada do amigo voltar. O vendedor estava preocupado e pensava o que teria ocorrido com o ‘amigão do peito’.

Sem se preocupar com o amigo, o construtor foi visto a pé no Juruparazinho e que estaria tentando vender uma televisão aos moradores daquela região. A Polícia Militar foi acionada e deteve o acusado, indagando-o sobre o aparelho eletrodoméstico. Ele disse aos policiais que foi numa biqueira no bairro do Moreiras e trocara a motocicleta por uma televisão e um pino de cocaína. Ele também confidenciou de que havia emprestado a moto de um amigo. Os policiais e o acusado foram até a chácara e contaram ao vendedor o que havia ocorrido. Desiludido e angustiado, o vendedor não se conformava com a traição do amigo e pedia uma explicação ao colega.

Enquanto os dois discutiam a relação de amizade, os policiais se deslocaram até o Moreiras e avistaram a motocicleta do vendedor no quintal de uma residência. O dono do imóvel apareceu e contou que um rapaz havia deixado o veículo na sua propriedade e que mais tarde voltaria a buscar. Diante do imbróglio, os policiais conduziram todos os envolvidos até a delegacia. Lá, foram ouvidos e liberados. A motocicleta foi devolvida ao vendedor e a televisão apreendida.

Comentar