Prefeitura admite: número de doses da vacina diminuiu

Filas se tornaram comuns, devido à redução no número de doses da vacina

Em nota enviada à Imprensa, a Administração Municipal afirmou que a DRS (Diretoria Regional de Saúde) reduziu o número de doses de vacina contra a febre amarela. A medida explicaria as constantes filas e reclamações dos munícipes que procuram pela imunização e não conseguem ser atendidos.

“Isso ocorreu em razão de outras cidades da região e do estado de São Paulo terem registrado o surto de Febre Amarela recentemente”, alega a Prefeitura. “Por esse motivo, caso acabe a quantidade de doses disponibilizadas no dia em que o munícipe esteja aguardando para receber a vacina, o mesmo será orientado a retornar ao Ambulatório no dia seguinte”, completa.

Apesar do contratempo, a Secretaria Municipal de Saúde reforça que a Campanha de Vacinação Contra Febre Amarela continua, normalmente, até 28 de fevereiro, no Ambulatório Médico e nas UBS (Unidades Básicas de Saúde) da zona rural.

Comentar