Agricultura   |   Cidade   |   Cotidiano   |   Entretenimento   |   Esporte   |   Ideias e Negócios   |   Mulher   |   Policia   |   Politica   |   Região   |   Serviços   |   Turismo  
    Início Classificados Comercial O Jornal Contato Jornal Impresso On line Jornal Impresso On line  
 
Número de acidentes cresce e Piedade registra uma tragédia por dia
| Clique na imagem para ampliar |
      

Acidentes de trânsito com vítimas estão se tornando cada vez mais corriqueiros em Piedade. As estatísticas das últimas semanas já apontam para uma média de quase uma tragédia por dia, incluindo as ocorrências que resultam em ferimentos graves e óbitos. Somente nos primeiros oito meses de 2013, 13 pessoas já perderam a vida nas ruas e estradas do município, em consequência de desastres. Em todo o ano passado, o trânsito ocasionou 13 mortes. Com isso, a média de vítimas subiu de uma a cada 28 dias, em 2012, para a proporção de um falecimento a cada 20 dias neste ano.

Ainda de acordo com informações coletadas a partir dos boletins de ocorrência registrados pela Polícia, a totalidade dos casos já relatados em 2013 envolveu algum tipo de imprudência dos motoristas e poderia ter sido evitada. Outro dado demonstra uma tendência crescente: em pelo menos quatro situações recentes que resultaram em mortes, há suspeitas de que condutores estavam alcoolizados.

 

Morte de motociclista

Mais um acidente fatal foi registrado em Piedade, no final da tarde de primeiro de setembro, no quilômetro 116 da Rodovia Raimundo Antunes Soares, trecho da SP-79 entre Piedade e Sorocaba. Segundo a Polícia Militar Rodoviária, Edivandro Bocardi, de 40 anos, morador da Vila Progresso, em Sorocaba, trafegava no sentido de Votorantim, quando foi surpreendido, nas proximidades do Trevo da Usininha, por uma Parati que seguia na contramão, com destino a Tapiraí. Não houve tempo para desviar e a colisão foi frontal.

Após o impacto violento, o corpo da vítima foi arremessado contra o parabrisas do carro, passou sobre ele e só parou a mais de 15 metros de distância, na faixa contrária da rodovia. O choque foi tão forte que conseguiu afundar a frente da Parati e danificar o motor. De acordo com o Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) e voluntários do GAE (Grupo de Apoio a Emergências), que chegaram ao local rapidamente, Edivandro teve morte instantânea.

O motorista do carro foi identificado como Daniel Severo da Silva, de 49 anos, policial militar aposentado que residente no município de Jacupiranga, no Vale do Ribeira. Os policiais rodoviários que atenderam à ocorrência notaram que ele apresentava diversos sinais de embriaguez, como dificuldade para falar e manter o equilíbrio e olhos avermelhados. Embora tenha se negado a realizar o teste do bafômetro, a irregularidade foi relatada no Boletim de Ocorrência.

Depois de ser medicado na Santa Casa de Misericórdia de Piedade, por causa de cortes na cabeça e nos pés, Daniel foi levado à Delegacia da Polícia Civil, para instauração de inquérito por homicídio culposo – quando não há intenção de matar.

 

Duas motos e um carro termina em morte

Um acidente com morte foi registrado na tarde de 1º de setembro, no quilômetro 137 da Rodovia José de Carvalho (SP 250), ligação entre Piedade e Pilar do Sul. O engenheiro Heitor Fontes Lopes, de 47 anos, bateu sua Kawasaki Ninja contra um VW Gol.

O mesmo acidente envolveu outra motocicleta, uma Suzuki Bandit, conduzida pelo analista fiscal Wellington Ferreira Matos, de 41 anos, que sofreu fratura na clavícula, mas não corre risco de morte. O motorista do carro, Willian Roberto da Silva Santos, de 27 anos, não teve ferimentos. Não há informações sobre os motivos da dupla batida.

 

Pé amputado

Na noite de 1º de setembro, por volta das 22h, um acidente envolvendo motocicleta e carro, no Trevo da Usininha, provocou ferimentos graves no autônomo José Antônio Vieira, de 29 anos, residente no Bairro dos Cotianos. Os médicos do Hospital Regional de Sorocaba precisaram amputar o pé esquerdo do rapaz, para evitar que problemas mais graves colocassem a vida dele em perigo.

Nem bem o trânsito foi restabelecido na rotatória de acesso da SP 79 ao Centro, por causa do acidente como morte, e a Polícia Rodoviária teve de retornar ao local para atender mais essa tragédia. De acordo com o Boletim de Ocorrência, José Antônio seguia pela Estrada Municipal Antônio Santi Vichi, proveniente do Bairro dos Leites, quando derrapou ao fazer a conversão para entrar na SP-79 e se chocou contra o Vectra dirigido pelo aposentado Homero Gomes, de 66 anos, residente em Piedade.

Homero disse que seguia pela SP-79, no sentido Votorantim-Piedade, e quando chegou ao trevo percebeu a moto descontrolada em sua direção. Por reflexo, freou rapidamente, mas a Honda atravessou a pista e bateu contra a frente de seu carro, só que do lado oposto, o esquerdo, atingindo o farol e o parabrisa. O motociclista e a moto foram arremessados contra uma ribanceira existente a poucos metros do paredão da usina.

O aposentado parou o Vectra no acostamento e, juntamente com um passageiro, começou a procurar o motociclista. Por causa da escuridão, Homero e seu acompanhante tiveram dificuldades para localizar José Antônio e pediram ajuda aos motoristas de outros carros que passavam pelo local.

Quem localizou o motociclista ferido foi um padre que vinha do Bairro dos Leites . Ele usou uma lanterna para vasculhar o local. O rapaz estava a aproximadamente 50 metros da pista, em uma depressão de difícil acesso, o que impediu o resgate imediato. José Antônio foi retirado do barranco somente após a chegada de uma equipe do Corpo de Bombeiros de Votorantim. Devido a gravidade do ferimento, o motociclista foi levado diretamente ao Conjunto Hospitalar de Sorocaba,

 

Carro na contramão

Por volta das 18h30 de 31 de agosto, quatro pessoas ficaram feridas em uma colisão frontal ocorrida no quilômetro 126 da Rodovia Padre Guilherme Howell – trecho Piedade-Tapiraí da SP-79. Um Ford Focus retornava de Tapiraí, quando, por motivos desconhecidos, invadiu a faixa da contramão, em uma localidade entre os bairros Cáfaro e Pintos, vindo a bater em um VW Gol com placas de Botucatu (SP).

O motorista do Focus, um mecânico de 53 anos, residente na Vila Maria, em Piedade, e uma mulher de 41 anos que viajava com ele, sofreram ferimentos leves, mas necessitaram de auxílio para sair do carro, devido à deformação das portas. Os dois ocupantes do Gol, um funcionário público federal de 46 anos e um professor, de 31, também tiveram apenas escoriações leves.

 

Caminhão se perde em trevo

No trevo do Alto de Piedade – quilômetro 121 da SP-79 –, quatro jovens com idades entre 15 e 23 anos ficaram levemente feridos em colisão envolvendo um caminhão Ford F-4000 e um Renault Clio, por volta das 23h30 de 30 de agosto. O Renault seguia de Tapiraí para Piedade, pela SP-79, quando foi interceptado pelo veículo de carga que saia da rodovia, no sentido Pilar do Sul-Piedade.

O motorista e um passageiro do caminhão não sofreram ferimentos. Entre os ocupantes do carro de passeio, uma moça de 23 anos, residente no Bairro dos Cotianos, em Piedade, e três rapazes do Jardim Clarice, em Votorantim, de 15, 20 e 21 anos, feridos sem gravidade foram socorridos por equipes do Samu e do GAE e, em seguida, levados à Santa Casa de Piedade.

Notícia do dia : 07/09/2013         | Sessão   Policia |

Anuncie aqui

Publicidades :

 
 
............................................................................................................................................
  Deixe seu Comentário : *
Nome :
Comentário :
  ( * Necessário ser aprovado )
 
 
 
Homem é preso por caça e posse ilegal de arma ...
Governo do Estado destina R$ 195 mil para o Fundo Social de Piedade ...
Vicentina aumenta passagens de ônibus para R$ 3,20; táxi também sobe ...
Empreiteira alega falência e paralisa obras em creche da Vila Quintino ...
Mulher cai em poço na Campininha ...
PM apreende armas e manda dois para a cadeia ...
 

 

 
 
[ web designer ]